Amaszonas Línea Aérea terá voos entre São Paulo e Bolívia

Catedral de Santa Cruz de la Sierra, Bolivia Foto AriomPardo WikimediaA Catedral de Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia. Foto: Ariom Pardo/Wikimedia

 

Após o lançamento de voos para Rio de Janeiro (RJ) e Foz do Iguaçu (PR), a Amaszonas Línea Aérea já tem uma data marcada para expandir a sua malha aérea: o dia 11 de junho, quando pretende inaugurar uma nova operação ligando a boliviana cidade de Santa Cruz de la Sierra (VVI) e a metrópole de São Paulo (GRU), com foco na facilitação de viagens de passageiros corporativos e de lazer.

 

A nova rota será operada com os novos Embraer 190 da companhia, com capacidade para 112 passageiros em configuração 2 x 2 e Classe Econômica, apenas. Inicialmente, no mês de junho, a rota será operada às terças, quintas, sextas-feiras e aos domingos, tendo o voo 430 partindo de Santa Cruz de la Sierra às 12h10 e pousando em São Paulo às 15h55, com retorno de São Paulo para Santa Cruz de la Sierra (431) às 16h50, pousando na cidade boliviana às 18h50. A partir de julho a operação se tornará diária, mantendo-se os mesmos horários dos voos.

 

Amaszonas Línea Aérea

Os voos entre os dois países da América do Sul serão feitos nos novos modelos 190 da Embraer. Foto: Divulgação.

 

Além de unir os dois países sul-americanos, a nova operação também vai permitir a conexão com os voos para a Europa, os Estados Unidos e a Ásia, de acordo com o horário de pouso em no Aeroporto Internacional de Guarulhos (GRU), além da conexão com os voos para La Paz, Cochabamba e Sucre, na Bolívia, e Cusco, no Peru, de acordo com o horário de pouso no Aeroporto Internacional Viru Viru (VVI).

 

“Estamos contentes em trazer a boa notícia do início de uma nova operação em um momento como este pelo qual a indústria do turismo e da aviação está passando”, afirma Giancarlo Alcalai, diretor da Amaszonas no Brasil. “A nova rota para São Paulo trará em breve mais movimento nos negócios entre o Brasil e a Bolívia e continuaremos trabalhando para seguir com a expansão e o investimento no mercado brasileiro”.

 

Em São Paulo, a operação da companhia será realizada no Terminal 2 Asa B do Aeroporto Internacional de Guarulhos e a venda de passagens ao público será realizada no escritório da AVIAREPS, GSA do Grupo Amaszonas no Brasil, responsável pelos setores comercial, relações públicas, atendimento ao cliente e relacionamento com as agências. A comercialização dos voos também está disponível por meio de agências de viagens, disponível nos GDSs, bem como pelo site www.amaszonas.com.

~ por Fabíola Musarra, jornalista e socióloga em Maio 19, 2020.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: